Deixa esse Amor se Espalhar

⇒ Vida e Poesia ⇐

 

 

*

⇒ Vida e Poesia ⇐

Deixa esse Amor se Espalhar

 

Quando receberes o amor,
Deixa ele se espalhar,
Pelos que estão por pertos,
E tudo transformar…
*
Deixa fecundar teu chão,
Pelos que estão contigo,
Em forte comunhão,
Com amados e amigos.
*
Deixa a energia do bem,
Fluir como o leve vento,
Que carinhoso vem
Sobre os teus rebentos.
*
Deixa que o teu olhar,
Contagie todo coração,
De quem quer caminhar,
Em forte doação.
*
Deixa este amor tão forte,
Que faz brotar a vida,
Mais forte que a morte,
Fazer-te acolhida.
*
E este amor de vida,
E este amor de paz,
De encontro e acolhida
Só a harmonia traz.
*
Ele move o mundo,
Faz pulsar o coração,
É vivo, é profundo,
Plena comunhão.
*
Não tente entender,
Nem o definir
Somente acolher,
Deixa esse amor fluir.

→ Sobre o testemunho de amor missionário da família.

 

*   *   *

“O Semeador”, de J. Tissot (1836-1902). In brooklynmuseum.org: “The Sower”.

.*   *   *

“Abraão Recebe os Três Anjos”, de J. Tissot (1836-1902). In thejewishmuseum.org: “Abraham and the Three Angels”.

*   *   *

“José se faz conhecido por seus irmãos”, de J. Tissot (1836-1902). In thejewishmuseum.org: “Joseph Maketh Himself Known to His Brethren”.

 

*   *   *

Pétalas De Rosa; Pétalas; Casamento; Espalhar Rosas, de Hans (2015). In pixabay.com.

.*   *   *

“A Mulher com um Problema de Sangue”, de J. Tissot (1836-1902). In brooklynmuseum.org: “The Woman with an Issue of Blood”.

*   *   *

“A Filha de Jairo”, de J. Tissot (1836-1902). In brooklynmuseum.org: “The Daughter of Jairus”.

.*   *   *

Santa Teresinha e o Papa Leão XIII, foto de Dorothée Quennesson (2021). In pixabay.com: “Papa Vitral Janela Igreja Leon Xiii Garota”.

*   *   *

“Deixe as criancinhas virem a Jesus”, de C. H. Bloch (1834-1890). In pt.wikipedia.org/wiki/: “Ficheiro:Let_the_Little_Children_Come_unto_Jesus.jpg”.

 

*   *   *

“O Milagre dos Pães e Peixes”, de J. Tissot (1836-1902). In brooklynmuseum.org: “The Miracle of the Loaves and Fishes”.

 

.*   *   *

“A Incredulidade de São Tomé”, de J. Tissot (1836-1902). In brooklynmuseum.org: “The Disbelief of Saint Thomas”.

*   *   *

“Alimente Meus Cordeiros”, de J. Tissot (1836-1902). In brooklynmuseum.org: “Feed My Lambs”.

 

.*   *   *

 

..

 

Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.